Rita Cortez concede entrevista ao programa Revista Brasil da EBC sobre a situação da Universidade Estácio de Sá

Rita Cortez concede entrevista ao programa Revista Brasil da EBC sobre a situação da Universidade Estácio de Sá

 Segundo Rita Cortez, liminar que suspende demissões não tem prazo para se tornar definitivo


A suspensão das demissões de 1.300 professores da Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro, está assegurada por uma liminar. E a recontratação de alguns deles, com menos garantias, é possível. A advogada da AJS e 1 ª Vice-Presidente do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), Rita Cortez, concedeu entrevista ao programa Revista Brasil para falar sobre o assunto. Segundo ela, a liminar não tem prazo. “A liminar suspende até que venha alguma decisão que revise esse liminar que foi concedida”, explicou.

Rita esclareceu, ainda, que este fato poderá se repetir em outros setores da economia, devido à Reforma Trabalhista.

Ouça a entrevista: http://radios.ebc.com.br/revista-brasil/2017/12/advogada-analisa-situacao-da-universidade-estacio-de-sa

FONTE: Empresa Brasil de Comunicação


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *