Eletronuclear é condenada a indenizar ex-procuradora levada a depor na Lava Jato

Eletronuclear é condenada a indenizar ex-procuradora levada a depor na Lava Jato

Em processo promovido pela AJS – Cortez & Advogados Associados, a empresa de economia mista Eletronuclear foi condenada pela 44ª Vara do Trabalho a pagar danos morais à ex-procuradora Denise Sollami, que foi levada a depor pela Operação Lava Jato e teve seus bens pessoais confiscados, mesmo não sendo investigada ou condenada.

O processo foi notícia na coluna do Ancelmo Gois, no jornal O Globo do dia 29/07/2019.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *